Plano de mobilidade segue para apreciação da Câmara de Cotia

Plano de mobilidade segue para apreciação da Câmara de Cotia

Vereador Edson Silva apresentou proposta de integração entre linhas de ônibus com pagamento de apenas uma passagem

No sábado (3/03), a Prefeitura de Cotia realizou a audiência pública para apresentar o Plano Municipal de Mobilidade Urbana. O evento, que aconteceu no auditório do Colégio Madre Iva, foi conduzido pelas Secretarias de Transportes e Trânsito (Settrans) e Habitação e contou com a presença de comerciantes, empresários e lideranças dos segmentos de transportes (táxis, escolares, transporte alternativo e ônibus).

A partir de agora, o Plano segue para apreciação da Câmara Municipal para que Cotia possa ter legislação própria sobre mobilidade urbana e a administração tenha um instrumento de desenvolvimento urbano, nos termos do artigo 182 da Constituição Federal que preconiza que o poder público municipal precisa estabelecer diretrizes que ordenem o desenvolvimento das funções sociais da cidade e garantam o bem-estar de seus habitantes.

“Sabemos o quanto a mobilidade urbana é problemática em Cotia, a Raposo Tavares é só uma parte do problema. Devemos ver a cidade como um todo. O plano é de vital importância, um trabalho que vem sendo elaborado por técnicos. Faz parte da administração traçar novas possibilidades e resolver problemas que atrapalham tanto a população”, disse Joaquim Brechó, titular da Settrans.

Foram apresentadas alternativas para diminuir o trânsito na rodovia Raposo Tavares, como a criação de acessos dentro de bairros, instalação de mini terminais nos bairros, melhoria nas tarifas e ampliação das linhas de ônibus para que mais pessoas utilizem transporte coletivo, além da criação de mais calçadas, acessibilidade.

O Vereador Edson Silva (PRB)  preocupado não só com a mobilidade  e o trânsito cada vez mais pesado na Raposo Tavares, apresentou a proposta de criação de integração entre todas as linha de ônibus da cidade, passando pelo Terminal Metroopolritano, de modo que o usuário pague apenas uma passagem.  Veja no vídeo abaixo:

Diversas perguntas e elogios ao projeto foram levantados na audiência. Um dos assuntos mais recorrentes foi a regulamentação do transporte alternativo. Sobre o assunto, o secretário Brechó informou que no dia 14 de março, às 9h, na Associação dos Arquitetos, Engenheiros e Técnicos de Cotia (AETEC), haverá uma audiência pública direcionada ao assunto.

Compuseram a mesa da audiência, o secretário Joaquim Brechó, o secretário adjunto de Habitação, Onofre Ferreira, o vereador Marcinho Prates, o engenheiro Fernando Fernandes Lobato e Emerson da Silva Andrade e a arquiteta, Luciane Alegre, responsável pela apresentação do plano. O secretário de Relações Governamentais, João dos Santos e os vereadores Marcos Nena, Professor Osmar e Edson Silva, acompanharam a audiência.

 

About the Author